Acumuladores de Calor
Os acumuladores de calor são uma das formas de aquecimento eléctrico mais populares na Europa.
Práticos e eficientes constituem a base da maior parte dos sistemas de aquecimento doméstico eléctrico, e são igualmente ideais para complementar outros tipos de aquecimento já existente. A sua instalação em Escolas, Escritórios ou outros ambientes comerciais é também uma utilização corrente, dado que se trata de equipamentos fiáveis e versáteis.
Os acumuladores de calor eléctricos utilizam a grande vantagem da tarifa nocturna de baixo custo (tarifa bi-horária) para proporcionarem um sistema de aquecimento eficiente e económico. Essa tarifa é disponibilizada ao cliente, quando requisitada, à companhia de distribuição de electricidade, apresentando um custo por kilowatt aproximadamente 41% inferior à tarifa normal diúrna.

Do uso de uma tarifa menos penalizadora para o utilizador decorrem duas vantagens:
– A economia
– A dispersão dos picos de consumo (Não sobrecarregam as instalações no horário diúrno)

Outra vantagem é que, com custos de instalação muito baixos e virtualmente sem necessidade de manutenção programada, o custo de utilização do sistema de acumulação de calor é consideravelmente inferior a outros sistemas de aquecimento.

Comparativamente às alternativas em sistemas de aquecimento disponíveis no mercado, a acumulação de calor eléctrica é económicamente rentável. Apresentando um consumo máximo de apenas 7 horas por dia sob a tarifa bi-horária, instalação fácil e pouco dispendiosa, sem tubagens,
caldeiras ou armazenamento de combustível a considerar, apenas uma simples fixação à parede e a ligação ao circuito eléctrico. Dispensam por completo, qualquer plano de manutenção regular préestabelecido, algo que mais nenhum outro sistema de aquecimento de características semelhantes pode argumentar.
Utilizam a electricidade mais barata dos períodos de vazio (tarifa bi-horária, ou tarifa tri-horária nas Escolas)
Funcionamento silencioso
Possibilidade de regulação por período de utilização.
A ausência de partes móveis complexas proporciona uma longa vida útil do aparelho e a quase
inexistência de manutenção.
Ambiente confortável
Versatilidade na selecção de temperaturas
Grande flexibilidade na instalação, uma vez que se tratam de aparelhos individuais.

Em resumo, os acumuladores de calor eléctricos representam para o cliente um sistema de aquecimento integrado para toda a Escola, Empresa ou Habitações, cujas principais características e benefícios são a sua eficiência energética, rentabilização de despesas em consumos, fácil instalação e manutenção, melhorando o nível de conforto global de toda a habitação.

Um acumulador de calor é concebido para ser ligado no início da época de aquecimento (normalmente de Outubro a Março) e ficar permanentemente em
funcionamento. Durante esse período, o aparelho consome até 7 horas diárias de electricidade (período de carga) aproveitando a tarifa bi-horária, “carrega” durante a noite para difundir calor durante as 24 horas. O calor é armazenado num núcleo de placas de acumulação especialmente concebidas para o efeito, atingindo uma
temperatura máxima de 650º C. Esta “carga” está então disponível para aquecer a casa de acordo com as necessidades, sendo dissipada gradualmente através das próprias superfícies do aparelho (convecção natural) e pelas grelhas difusoras, sem mais consumo energético até ao início do próximo período de carga, na
noite seguinte.
Desde que correctamente calculado e dimensionado o aparelho, em termos de potência, relativamente à área a aquecer, mantém uma temperatura média constante de aproximadamente 20ºC. Por si só representa uma melhoria significativa no ambiente da casa. Ao manter uma temperatura estabilizada acima do “ponto de condensação” previne o aparecimento de humidades nas paredes, caixilhos de janelas e mobiliário e garante o bom estado de conservação dos mesmos.
Isto para não mencionar, é claro, um ambiente interno mais saudável!

No início do período de carga, no núcleo do aparelho, o calor é transferido das resistências eléctricas para as placas de acumulação de magnetite de alta densidade, mineral de elevada tolerância térmica.
A temperatura a ser atingida por este núcleo de acumulação é regulável pelo utilizador através de um botão de controlo de carga. Conforme a temperatura interna no núcleo de acumulação se eleva, o calor é transmitido através dos painéis internos de isolamento de lã-de-rocha e silica microporosa e pelos painéis exteriores do aparelho por convecção natural para o ambiente.
Terminado o período de carga, o núcleo de acumulação atingiu a sua temperatura máxima, ao mesmo tempo que as exigências de aquecimento sejam maiores.
Existe um segundo botão de controlo, o botão de controlo de descarga que pode ser manuseado pelo utilizador por forma a maximizar a rentabilidade, que comanda o mecanismo de aumento de dissipação de calor, que desempenha um papel vital.
Devido ao elevado nível de qualidade do isolamento térmico do aparelho, com o arrefecimento progressivo das placas de acumulação, a temperatura interna do acumulador desce, no entanto continua a ser o suficiente para representar um aumento significativo na temperatura ambiente. Para obter a máxima rentabilidade do sistema, o mecânismo de aumento de dissipação de calor, quando accionado abre as passagens de ar que estabelecem uma comunicação directa entre as placas de acumulação e a grelha difusora de ar quente, provocando a libertação do calor ainda retido no interior do acumulador.
A constante passagem do ar no interior do núcleo do acumulador proporciona a eliminação dos fungos, ácaros, pólens e outros pós em suspensão no ar.
Os acumuladores de calor podem funcionar a solo ou integrados num sistema completo para toda Escola, Empresa ou Habitações. Em qualquer dos casos são controlados individualmente.

Fale Connosco

10 + 1 =